Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Renascer de Jacarepaguá – “Dois de fevereiro no Rio Vermelho”

245

Renascer derrama o axé de Iemanjá em plena avenida

 

A Renascer de Jacarepaguá, neste carnaval, levou para a avenida uma grande festa de celebração da nossa cultura – a festa de Iemanjá, na Bahia. Com o enredo – “Dois de fevereiro no Rio Vermelho”, a agremiação presidida por Antônio Carlos Salomão evocará as bênçãos e a proteção de Iemanjá.

Ao festejar a “Rainha do mar”, a dupla de carnavalescos – Raphael Torres e Alexandre Rangel pega a devoção de uma das entidades africanas mais cultuadas no Brasil para falar do nosso sincretismo religioso, do nosso caldeirão cultural. Narrar a festa de “Dois de fevereiro” no Rio Vermelho, pode ser visto como algo maior do que uma manifestação religiosa baiana. Na realidade é ser brasileiro, na visão dos carnavalescos.

Pegar uma entidade máster da nação africana Egba e sincretizá-la como Nossa Senhora da Conceição, como Nossa Senhora das Candeias ou como Nossa Senhora dos Navegantes, é algo puramente brasileiro. E, segundo os carnavalescos, é justamente na Bahia, em que essa manifestação sincrética ocorre com mais fervor.

Dessa forma, a Renascer de Jacarepaguá faz essa bela homenagem a um dos orixás mais amados e cultuados por nós, brasileiros.

Por Clilton Paz

Comentários estão fechados.

Follow by Email
Instagram
Fale conosco