Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Grande Rio – “Tatá Londirá : O canto do caboclo no quilombo de Caxias”

157

Após anos sem um cenário africano. A Grande Rio, trouxe para passarela do samba o Quilombo com a história de um dos conterrâneos mais ilustres da cidade: Joãozinho da Gomeia. O trabalho no Grupo Especial dos carnavalescos Leonardo Bora e Gabriel Haddad também foi um dos fatores para fala. A Grande Rio enfrentou alguns problemas de harmonia, mas nada tirou brilho da agremiação. A agremiação voltou a ser grande e agora sonha com inédito campeonato na quarta-feira.

O desfile da Grande Rio foi de muito lindo com um alto nível de beleza.

A torcida e a comunidade cantaram com vontade o bom samba, cantado pelo interprete: Evandro Malandro. O que deixou a agremiação perder alguns décimos foi certamente as falhas de evolução isso pode atrapalhar a avaliação dos jurados e a certeza de ganhar esse carnaval. 

“Com o enredo Tatalondirá. O canto do caboclo no quilombo de Caxias” a escola de samba falou sobre a história de Joãozinho da Gomeia. Líder religioso, negro e homossexual, conseguiu com muita luta superar tudo a escola mostrou tudo com coerência na avenida. A Escola apresentou um desenvolvimento regular de fantasias, desde a concepção, até o resultado plástico e finalizações. Apesar do aparente cuidado com acabamento em alguns setores viesse um descuido com acabamentos. O Carnavalesco usou o abusou do plástico, vimi e nas penas artificiais, além das penas de pato nos desenvolvimentos de costeiros, golas e cabeças.
As transições foram agradáveis aos olhos, a diversificação de materiais alternativos foi numa marca do desfile. Conjunto bom e coerente.

Comentários estão fechados.

Follow by Email
Instagram
Fale conosco