Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Com muita fé Alegria da Zona Sul faz um desfile irregular

223

Por Clinton Paz

A segunda escola a pisar na avenida, neste primeiro dia de desfile, da Série A, foi a Alegria da Zona Sul. Sua quadra está localizada no Catumbi, atrás do Sambódromo. Apesar de ser da comunidade do Cantagalo-Pavão-Pavãozinho, em Copacabana. Tem como característica mais forte em seus enredos a utilização de temas que tratem da temática da negritude, já tendo utilizado esse tema diretamente quatro vezes em menos de 20 anos.

A escola foi criada em 28 de julho de 1992 através da fusão dos blocos de enredo Alegria de Copacabana e Unidos do Cantagalo. A escola adotava as cores azul, verde e branco e tinha como símbolo os personagens de Walt Disney: Zé Carioca e Panchito. Com o enredo “Saravá, Umbanda”, do carnavalesco Marco Antonio Falleiros, a escola pretendeu contar a história da Umbanda através das palavras de um sábio Preto Velho.

Com um desfile irregular, a Alegria da Zona Sul apresentou uma ala de ciganos, em que cada componente usava o seu próprio par de sapato. Outra irregularidade visível era um dos mestres-sala. No conjunto de sua fantasia faltava o chapéu e os sapatos. No quesito fantasia deverá ser canetada, além de outros quesitos.

Porém, a escola apresentou belas mulheres, além de uma bateria, alegremente, de pretos-velhos. O objetivo da Alegria da Zona Sul é fazer uma grande propagação de caridade, amor e fé.

Fotos: FAT PRESS FOTOS E EVENTOS LTDA

Comentários estão fechados.

Follow by Email
Instagram
Fale conosco