Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

BEIJA – FLOR DE NILÓPOLIS: “Monstro é aquele que não sabe amar. Os filhos abandonados da pátria que os pariu”.

283

BEIJA – FLOR DE NILÓPOLIS – FICHA TÉCNICA:

Presidente: Ricardo Abrahão David

Enredo: “Monstro é aquele que não sabe amar. Os filhos abandonados da pátria que os pariu”.

Posição desfile: 6ª a desfilar na segunda 12/02

Comissão de Carnaval: Laíla, Victor Santos, Bianca Behrends, Léo Mídia e Rodrigo Pacheco

Coreógrafo: Marcelo Misailidis

Intérprete: Neguinho da Beija-Flor

Mestre-sala e Porta-bandeira:  Claudinho e Selminha Sorriso

Mestre de Bateria: Mestre Plínio e Mestre Rodney

Rainha de Bateria:  Raíssa de Oliveira

Que desfile lindo essa grandiosa escola apresentou…foi bem o que o ditado diz: “Fechando  com chave de ouro”!

A Beija-Flor de Nilópolis conquistou o público na passarela da Marquês de Sapucaí com um enredo bem audacioso e crítico que fez críticas ao cenário político, social e religioso do nosso país.

A escola reproduziu várias cenas vividas em nossa sociedade como a violência, a desigualdade social, o preconceito e a intolerância.

O Mestre-sala e Porta-bandeira, Claudinho e Selminha, já estão juntos a muitos anos e sempre trazem novidades a cada desfile e, consequentemente, conseguem levantar o público e os jurados com sua apresentação.

Os dois vieram com uma leveza surpreendente, levando para a comissão julgadora que sempre será o casal exemplo, com novas coreografias e com um espetáculo fora do comum e com uma dança viva e alegre. Selminha sempre com seu belo sorriso e com seus giros, além de ser conduzida por seu mestre sala, Claudinho, que brinca de riscar o chão com seu belíssimo bailado.

Juliana Dias/ SRZD
Juliana Dias/ SRZD
 

Comentários estão fechados.

Follow by Email
Instagram
Fale conosco