Publisher Theme
Art is not a luxury, but a necessity.

Liberdade ainda que tardia

146

A manifestação feita por editoras e autores de livros na 19ª Bienal, chamou a atenção do público que ali estava para apreciar o evento.
O prefeito Marcelo Crivella, fez uma declaração muito preconceituosa sobre o livro que expunha conteúdos LGBTQ e determinou o recolhimento de exemplares do romance gráfico “Vingadores, a cruzada das crianças”, que tem a imagem de um beijo entre dois personagens masculinos.

Imagem google
Imagem Google


O efeito por sua vez foi totalmente contrário, mostrando o pluralismo de ideias e conceitos que há em nosso país, principalmente no Estado do Rio de Janeiro.
A liberdade de expressão artística foi colocada à prova e os autores e maioria do público questionaram fazendo um manifesto contra a censura.

Imagem Google


Sendo assim, comemoraram a decisão do STF, neste domingo, que derrubou uma liminar do Tribunal de Justiça do RJ que permitia o recolhimento destes livros com esta temática. E mesmo que fosse permitido tal fato, o mesmo não aconteceria, pois todos os livros do Stand foram vendidos.
Autores declaram que vão gravar um manifesto contra Crivella utilizando a música de Chico Buarque “Apesar de Você”, um dos símbolos da luta contra a ditadura militar no Brasil.

Imagem Google


Uma atitude dessas vinda de um Chefe Municipal, é totalmente incompreensível, pois a liberdade de criação literária deve ser respeitada e independe de quaisquer questionamentos religiosos ou pessoais. O respeito neste caso, deveria estar acima de qualquer suspeita!

Chefe de redação: Danielle Castro

Por: Danielle Castro

Chefe de redação

Professora formada em letras/literaturas

1 comentário
  1. Edinho Meirelys Diz

    Parabéns pela matéria!
    Continue assim professora.

Comentários estão fechados.

Fale conosco